Médico que realizou procedimento em menina de 10 anos relata que ela “está aliviada”

 Médico que realizou procedimento em menina de 10 anos relata que ela “está aliviada”

O profissional da saúde Olímpio Barbosa de Moraes Filho  é o diretor do Hospital em Recife, que a menina de 10 anos realizou o procedimento que interrompeu sua gravidez. Em entrevista ao Globo News ele relatou que ela está aliviada após a conclusão do processo.

O médico relatou em entrevista que apesar de tudo que ela passou ela está bem neste momento, e espera que todo o sofrimento que ela passou até aqui possa acabar. Ele ressalta que é muito importante a forma que tudo será conduzido daqui para a frente e mostra a importância que seja tudo muito sigiloso, para que ela consiga seguir sua vida.

O médico em entrevista ao Bom Dia Espírito Santo, também elogiou muito toda a equipe que trabalhou no suporte à menina para que tudo corresse da melhor maneira possível. Ressaltando o trabalho dos profissionais que auxiliaram na parte psicológica da menina.

Ele lamenta o vazamento das informações da menina e toda a militância causada pela extrema direita contra tudo que foi feito. Fazendo uma ressalva que esse ato do grupo conduzido por Sara Winter foi uma segunda violência à pequena garotinha

Ele diz sobre a importância em proteger a garotinha e sua identidade, pois ela tem um futuro inteiro pela frente. Ele também citou o fato do hospital no Espírito Santo não realizar o procedimento e explicou que o Hospital não possuía um protocolo para atuar em um procedimento tão delicado como o da menina.

Esse caso que ainda tem dado muito o que falar na internet tem dividido muito a opinião das pessoas, que na maioria delas querem o melhor para a garota. Algumas pessoas tem se manifestado auxiliar a família no que puder

Famosos já declararam ajudar financeiramente com tratamentos psicológicos e com a educação da menina. Vamos aguardar e torcer para que essa pequena garotinha que já passou por tanto sofrimento consiga superar tudo isso e ter uma vida digna daqui para a frente.

Fonte: UOL

VOCÊ PODE GOSTAR

2 Comments

  • Esse episódio envolvendo essa pobre menina está servindo para o debate e aprimoramento de tudo o que representamos como pessoas ou seres humanos para o mundo. Tirando fora a isteria de alguns oportunistas de plantão de todos os lados, inclusive alguns profissionais da saúde e principalmente mídia e parte da imprensa havida por uma desgraça. De resto gostaria de que diferente do que falam alguns que preferem abafar tudo e tudo continuar como está. Gostaria de ter mais informações seguras para que todas as pessoas pudessem evoluir como pessoas pelo menos. Por exemplo: Ouvir pessoas da família de menina, ou pelo menos próximos dela. Ouvir O delegado que preside a ocorrência e seus levantamentos. Ouvir os médicos que atenderam a menina por primeiro. Ouvir até mesmo o acusado de estupro. E Ouvir a menina envolvida. Submeter tudo as leis Civis, Humanas e Divinas. Para daí tentar evoluir com algum posicionamento que nos ajude nesse crescimento da forma mais justa possivel. Por enquanto só sei que tem uma menina de 10 anos que engravidou, que tem um homem de 30 anos preso acusado de ser o autor. Que tem um grupo de médicos que se propôs a salvar a menina e o feto que alguém não aceitou. Que ministério público autorizou o aborto com base na lei em vigor. Que tem um corpo médico de um hospital de outro estado que se propôs a excussão da morte de um ser vivo, o qual vazou para imprensa com múltiplas entrevistas de como tinha executado a morte prematura do feto com uma injeção no tórax. E portanto por enquanto e isso. Só com essa informações bem claras e que emitirei uma opinião. Por enquanto tos os que mensionei parece que de uma forma ou de outra estão contribuído para que continuemos a ver acontecer fatos tão tristes como esses.

  • O Presidente Jair Bolsonaro
    Está Certíssimo
    Eu no Lugar dele não passaria
    Vontade.
    Enxeria o repórter d Porradas

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *