Envolvidos no Assassinato da gravida em Canelinha são presos. Entenda todo o caso que chocou o Brasil

 Envolvidos no Assassinato da gravida em Canelinha são presos. Entenda todo o caso que chocou o Brasil

O corpo da jovem (Flavia) de 24 anos foi encontrado em uma fabrica de cerâmica abandonada em Canelinha, na grande Florianópolis, na manhã da ultima sexta-feira (28/08), a autora do crime e o marido foram presos e estão a disposição da justiça.

O delegado Paulo Alexandre Freyesleben e Silva informou que, a mulher confessou o crime e disse que cometeu o crime porque ela teria perdido o bebê que estava esperando e então decidiu que continuaria dizendo que estava gravida, pois ela não queria decepcionar a família dela que estavam felizes a espera do bebê.

A autora sabia que não poderia fingir para sempre e que iria chegar a hora dela ter o bebê que tinha perdido, então ela resolveu que irai matar a amiga de infância e tirar o bebê de dentro da barriga dela. Segundo informação dos investigadores, a mulher afirmou que passou 2 meses planejando o crime e como faria para arrancar o bebê de dentro do ventre da vitima.

Para colocar o plano em ação ela inventou uma historia de um chá de bebê surpresa para a vitima (Flavia), mas tudo era uma farsa para atrair a vitima para uma emboscada. Assim que a vitima e a autora chegaram em um local que não havia ninguém a autora assassinou a jovem com um tijolo e depois abriu a barriga da gravida com um estilete e retirou o bebê.https://c396de34d321f8375ab1bb639658b00b.safeframe.googlesyndication.com/safeframe/1-0-37/html/container.html

O crime aconteceu atrás de uma fabrica de cerâmica desativada no bairro Galera, na cidade de Canelinha. A mulher também simulou um parto espontâneo, e ao chegar no hospital ela disse ao medico que, ela teria entrado em trabalho de parto quando estava no meio da rua, e nesse momento alguns vizinhos chegaram e colocaram ela dentro do condômino onde mora e de lá ela foi levada para o hospita

No momento em que os médicos examinavam a criança eles perceberam que ela estava com profundos cortes nas costas, e ao questionar a mulher ela disse que os cortes aconteceram no momento em que o bebê nasceu no meio da rua e acabou caindo, porém os médicos não acreditaram na versão da mulher e chamaram a policia.

A autora do crime e o marido dela foram presos no hospital pela policia, após informações levantadas informarem que a mulher que chegou com o bebê no hospital foi vista com a vitima momentos antes dela dela parecer, e que o bebê da vitima foi arrancado do ventre e nesse momento a policia entendeu que o bebê na verdade era da gravida assassinada.

O marido da autora do crime foi preso porque ele levou a mulher para o hospital, e juntos eles disseram que eram os pais da criança e por esse motivo a policia investiga se ele fez parte de todo o planejamento e execução do crime, porém a autora disse que planejou e fez tudo sozinha.

O delegado responsável pelo caso disse que, o nome e imagens do casal não seria divulgada por causa da lei de abuso de autoridade, as investigações sobre o caso continuam.

Fonte: G1

VOCÊ PODE GOSTAR

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *